Destaque

Muricy e Denílson estão na Calçada da Fama do São Paulo

Na noite da última terça-feira (7), foi inaugurada no Estádio do Morumbi a calçada da fama tricolor chamada de “Caminho dos Ídolos“. A homenagem do São Paulo Futebol Clube (SPFC) não podia deixar fora da sua lista dois craques que marcaram a história do time: Muricy Ramalho e Denílson Show.

     

Defendendo a camisa tricolor na década de 70, o meia e centroavante chegou a ser chamado pela imprensa de “sucessor do Pelé”. Muricy Ramalho foi um dos destaque do título Campeonato Paulista em 1975, quase foi escalado para a seleção mas uma contusão acabou o prejudicando. Aos 30 anos encerrou sua carreira como jogador mas em 1993 treinou o ex-clube Puebla e depois voltou para o tricolor para treinar o time infantil. Não demorou muito para o ex-jogador crescer como treinador, e em 1994 foi auxiliar técnico do Telê Santana. Muricy assumiu como técnico quando Telê se aposentou por conta de uma isquemia, mas seis meses depois saiu do São Paulo onde só voltou em 2006.

Voltando com tudo, em 2008 Muricy levou o time para a conquista do bicampeonato por antecipação com apenas duas derrotas, sendo eleito pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) o décimo quarto melhor treinador do mundo e o primeiro brasileiro da lista. Após essa passagem, o professor passou uma terceira vez pelo clube em 2013.

Após se aposentar dos campos, Muricy ingressou na carreira de comentarista esportivo em 2016 onde permanece até hoje. Além disso, um ano depois o professor acumulou mais uma função, a de palestrante pela Insperiência.

Já o morcego iniciou a sua carreira profissional pelo tricolor em 1994 e ficou lá até 1998 quando foi vendido para o Betis e se tornou o jogador mais caro da época. Pelo SPFC ganhou: a Copa Conmebol de 1994, o Campeonato Paulista de Futebol de 1998 e a Copa dos Campeões Mundiais , em 1995 e 1996.

Com passagens internacionais, Denílson foi convocado para jogar pela seleção brasileira por 2 vezes (1998 e 2002) sendo um dos nomes que compôs o elenco que garantiu o penta para o Brasil na Copa do Mundo FIFA da Korea-Japão.

Em 2010 o ex-jogador e pentacampeão mundial começou uma nova etapa na sua carreira como comentarista esportivo na Rede Bandeirantes. a sua participação foi tão emblemática que depois foi convidado para ser apresentador do programa esportivo Jogo Aberto, onde está até hoje. Denílson também é palestrante pelo time da Insperiência.

A dupla ainda tem um projeto juntos onde contam o melhor dos bastidores do futebol: o Talk Show Aqui É Trabalho E Muita Resenha mediado pelo Guilherme Alf.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *